Mundo

12/12/2019 as 16:04

Senado derruba aumento de 100% na taxa de cidadania italiana

Medida estava prevista na Lei Orçamentária do governo para 2020

Agência: Ansa
Foto: Ansa<?php echo $paginatitulo ?>

(ANSA) - A Comissão de Orçamento do Senado da Itália aprovou nesta quarta-feira (11) uma emenda que cancela o aumento de 100% na taxa cobrada em consulados de pessoas que buscam o reconhecimento de sua cidadania italiana.

A anulação do reajuste de 300 para 600 euros já havia sido antecipada à ANSA pela vice-ministra das Relações Exteriores do país, Marina Sereni, durante visita a São Paulo.

A medida estava prevista na Lei Orçamentária do governo para 2020 e provocara críticas na comunidade ítalo-descendente, que já reclama da cifra atual, instituída em 2014 para melhorar os serviços consulares e agilizar as filas de cidadania.

A emenda que cancela o reajuste é assinada pelo senador Adriano Cario, do Movimento Associativo dos Italianos no Exterior (Maie), e também anula o aumento de 20% para todos os outros serviços consulares.

"Havíamos dito desde o começo que nunca votaríamos um Orçamento que contivesse medidas penalizantes contra os italianos no mundo", disse, por meio de uma nota, o subsecretário do Ministério das Relações Exteriores, Ricardo Merlo, fundador do Maie. (ANSA)