Esportes

16/11/2019 as 19:41

CRB derrota a Ponte Preta em Maceió e segue sonhando com acesso na Série B

A Ponte Preta sentiu o gol e deu ainda mais espaço para o CRB contragolpear

fonte
Foto: Ascom CRB/Divulgação<?php echo $paginatitulo ?>

O CRB manteve vivo o sonho de acesso ao derrotar a Ponte Preta pelo placar de 2 a 0, neste sábado, no estádio Rei Pelé, em Maceió, pela 36.ª e antepenúltima rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. No entanto, as chances de entrar no G-4 são mínimas. O time alagoano tem 54 pontos, seis a menos do que o Atlético Goianiense, o quarto colocado.

Com isso, apenas uma combinação de resultados faria com que o CRB conquistasse o acesso. Já a Ponte Preta, que conheceu o seu nono tropeço consecutivo, seguiu estacionado nos 44 pontos.

O jogo começou com ambas as equipes buscando o gol. O CRB, no entanto, foi mais efetivo e abriu o placar logo aos nove minutos Guilherme Guedes derrubou Daniel Borges dentro da área e o árbitro assinalou pênalti. Léo Ceará foi para cobrança e deslocou Ygor Vinhas para fazer 1 a 0.

A Ponte Preta sentiu o gol e deu ainda mais espaço para o CRB contragolpear. O time alagoano chegou a marcar, aos 27 minutos, com Willie, mas o assistente Vinícius Melo levantou a bandeira, pegando impedimento. O time de Campinas respondeu na sequência. Vico arriscou e parou em Edson Mardden. Na sobra, Roger tentou, porém o atacante cometeu falta no goleiro adversário.

Antes do apito final, o CRB voltou a acelerar o jogo e pressionou a Ponte Preta até que aos 44 minutos fez 2 a 0. Willie recebeu cruzamento rasteiro de Daniel Borges e tocou de calcanhar para Lucas Siqueira. Com o gol vazio, o volante só teve o trabalho de empurrar para o fundo das redes.

O segundo tempo começou em ritmo lento. O CRB foi criar a sua primeira oportunidade apenas aos 12 minutos. Alisson Farias recebeu livre dentro da área e rolou para Willie marcar. O volante, no entanto, estava em posição irregular, marcado pela arbitragem. A Ponte Preta, por sua vez, tentou responder, mas Edson Mardden evitou o cruzamento de Arnaldo.

Em vantagem, o time alagoano passou a administrar o resultado e fez a bola rolar. Sem correr riscos, o CRB acabou confirmando uma vitória importante para deixar o clube vivo na briga pelo acesso. Já a Ponte Preta esboçou uma pressão, porém não conseguiu superar o rival.

Os próximos compromissos do CRB são contra Figueirense, na sexta-feira, novamente em Maceió, e Bragantino, no próximo dia 30, em Bragança Paulista (SP). Já a Ponte Preta pega o Sport nesta quarta, no estádio da Ilha do Retiro, no Recife, e encerra a sua participação frente ao Brasil-RS, no estádio Moisés Lucarelli, em Campinas.

FICHA TÉCNICA

CRB 2 x 0 PONTE PRETA

CRB - Edson Mardden; Daniel Borges, Wellington Carvalho, Ewerton Páscoa e Igor; Claudinei, Lucas Siqueira e Élton (William Barbio); Léo Ceará (Edson Cariús), Alisson Farias e Willie (Lucas Abreu). Técnico: Marcelo Cabo.

PONTE PRETA - Ygor Vinhas; Edilson, Renan Fonseca, Henrique Trevisan e Guilherme Guedes (Arnaldo); Camilo (Renato Cajá), Washington, Lucas Mineiro e Araos (Bill); Roger e Vico. Técnico: Gilson Kleina.

GOLS - Léo Ceará (pênalti), aos 9, e Lucas Siqueira, aos 44 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS - Igor e Willie (CRB); Camilo e Washington (Ponte Preta).

ÁRBITRO - Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN).

RENDA E PÚBLICO - Não disponíveis.

LOCAL - Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL).